fbpx

Usar vídeo nos anúncios pagos do Facebook é a aposta segura

Usar vídeo nos anúncios pagos do Facebook é a aposta segura

Hoje, podemos verdadeiramente afirmar que um negócio que não tenha presença online, não tem presença em lado nenhum. E o Facebook é uma das redes sociais que melhor tem servido este objetivo de promover empresas, marcas e empreendedores. Por isso, é também fundamental pensar na estratégia que usamos para potenciar a relação com o nosso público, especialmente, agora, que também o Instagram se juntou a esta rede social gigante. Os anúncios pagos são, por isso, uma das ferramentas que obrigatoriamente tem que ser encarada na hora de apostar numa estratégia de comunicação consistente e com resultados eficazes, ou seja, a conversão de potenciais clientes em clientes efetivos. Os vídeos claramente estão na linha da frente como uma das formas de anúncio promocional que mais atrai a atenção dos visitantes e melhor desempenha o papel de os converter em clientes.

E é fácil de perceber a razão. Mais de três biliões de vídeos são vistos diariamente no Facebook. O número é, de facto, impressionante e se a isto juntarmos o facto de se prever que, ainda em 2020, os vídeos sejam responsáveis por 80 por cento de todo o tráfego na internet, então, vale mesmo a pena refletir sobre a importância desta ferramenta para o sucesso de qualquer negócio. Investir em Facebook Vídeos Ads pode realmente revelar-se no melhor investimento para quem deseja alavancar o seu negócio e conquistar clientes, já que é enorme a fasquia de visitantes que apreciam e consomem vídeos.

Aposta segura

O custo-benefício é importante em qualquer investimento e os vídeos enquadram-se naquilo a que podemos chamar uma aposta segura. Porquê?

Em primeiro lugar, porque os vídeos não são uma moda. Este formato de conteúdo é tão sólido e estabelecido quanto a palavra escrita, que já existe há milhares de anos.

Além disso, os resultados de quem usa vídeo são extraordinários. Podem aumentar até 54% do alcance da marca e está comprovado que as empresas que o usam, na sua estratégia de marketing, geram uma receita 49 por cento maior do que as que não o utilizam.

Partilhar, partilhar, partilhar

Ora, está mais do que visto que as pessoas adoram assistir a vídeos e a prova disso é que os anúncios com vídeo são 43 por cento mais partilhados do que qualquer outro tipo de conteúdos. Afinal, o que dá mais trabalho, ler um artigo do início ao fim ou assistir a um vídeo? A resposta parece óbvia. Dada a imensa quantidade de informação com que todos os dias somos bombardeados nas redes sociais, é normal que acabemos por nos distrair e mudar de atividade a meio de uma leitura de um e-mail ou de um post num blog.

Já os vídeos têm o feito contrário. É mais fácil deixar de lado outros estímulos até concluir a sua visualização, especialmente se os vídeos forem de curta duração. Quando a mensagem certa é transmitida, com o conteúdo e animação certas, então, a tendência básica é interagir e partilhar, partilhar, partilhar. E o ato de partilhar é uma das armas mais poderosas para qualquer campanha digital, uma vez que isso significa um alcance gratuito e de qualidade a círculos que, de outro modo, o acesso seria muito difícil ou até impossível. 

Pois é. E quase naturalmente o vídeo, só por si, já está a desempenhar essa valiosa tarefa de segmentar o nosso mercado, algo tão importante para garantir campanhas de marketing bem sucedidas. Se a isto juntar o facto de que o vídeo possibilita praticamente conversar com o seu público, então vai atingir a sua audiência em cheio.

 

A forma perfeita

para contar uma história

Outra das importantes vantagens dos vídeos é o de ser um canal extraordinário para a estimular a criatividade e a emoção. É sabido que, na maioria das vezes, primeiro compramos, motivados por um impulso emocional e só depois procuramos argumentos racionais para justificar a aquisição que acabámos de fazer. Ao contrário de imagens estáticas ou textos, o vídeo contamina, emociona, conecta a pessoa à mensagem e, está claro, potencializa grandes resultados para as campanhas.

Portanto, se num vídeo juntar uma boa história a uma animação criativa e diferenciadora, estará a gerar empatia e a trazer o seu público para junto da sua marca.

Os vídeos são, por isso, a forma perfeita de contar uma história cativante com palavras, sons e imagens. O vídeo tem a capacidade de combinar estes três elementos, o que possibilita a produção de uma narrativa ímpar.

Três segundos

que valem ouro

Mas vamos a números. Os últimos dados referem que, entre as pessoas que procuram um produto e assistiram a um vídeo, 44 por cento acaba por comprar. O resultado pode ser um aumento de 90 por cento das vendas, o que comprova que a publicidade em vídeo é uma ferramenta essencial em qualquer campanha de marketing e de venda. E quando feita no Facebook, tanto melhor. E já lhe digo porquê.

Já ouviu falar de autoplay?

Por padrão, automaticamente, os vídeos iniciam assim que aparecem para o visitante de qualquer página do Facebook, quer na versão Desktop quer na versão Mobile. Logo, o contacto com o seu anúncio é inevitável e assegura, assim, a oportunidade de captar a atenção da sua audiência, aumentando os resultados de cada exibição.

O tempo médio que um utilizador demora para passar de uma postagem a outra é de 3 segundos, ou seja, esse é o intervalo em que a pessoa entra em contacto com o vídeo antes de decidir se vai assisti-lo ou não. Esse tempo também é a base de medida para o Facebook contar visualizações. E isto são ótimas notícias.

Daniela Alfarrobinha
Daniela Alfarrobinha

Lorem ipsum dolor sit amet consectetur adipiscing elit dolor

Partilhe nas redes sociais:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Subscreva artigos como este:

Ao subscrever está a aceitas as politicas de privacidade deste website. Pode remover-se a qualquer altura.